Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

Domingo, 1 de Março de 2009
Fim das Mini-Férias

Pois é, as mini-férias do Carnaval acabaram, foram uns poucos dias de descanso com algum sol e frio a mistura. É sempre bom  termos assim uns dias, agora ficamos a espera da Páscoa, mete-se mais uns dias a seguir e são outras.

Uma pessoa não se pode ausentar alguns dias e isto fica tudo doido, pior que este blog.

O caso Freeport e os seus arguidos, será que realmente vai avançar depressa como diz o PGR? será que também vai avançar depressa como outros processos que correm a passo de caracol? O processo "Casa Pia" por exemplo, para quando o seu fim? O processo "Apito Dourado" quando chegará ao fim? Quando os governantes corruptos (presidentes de câmaras, presidentes de juntas, candidatos a esses lugares, deputados, ministros, ex-governantes) serão penalizados pelos seus actos? Quando os empresários que efectuaram falências fraudulentas serão penalizados?

Eu sei que as cadeias estão cheias, as celas estão todas ocupadas, até com excesso populacional, mas não deve ser por causa disso que se vai deixar essa corja cá fora. Será medo? será receio de que alguma coisa mal aconteça? Serão ameaças à familiares?

Sócrates foi reeleito com uma avassaladora maioria (verdade seja dita, eles ainda não tem outro melhor para o lugar) e vai continuar mais uma vez no Governo, a Oposição as vezes parece que não existe (oposição quero dizer PSD), falam e falam mas nada dizem. Os que ainda vão se manifestando é o BE e o PCP, o Louça continua aquela máquina e agora vai surgindo o Bernardino Soares, esse rapaz vai longe se o deixarem, se a maquina partidária não lhe cortar os "pés". O Benfica perdeu com o Sporting em Alvalade (3-2), o Sporting perdeu com o Bayern (0-5) a meio da semana, o Porto ficou 2-2 com o Atlético de Madrid num jogo onde o arbitro teve influencia no resultado, o Porto-Sporting ficou 0-0, ontem, os clubes grandes voltaram a ficar novamente próximos uns dos outros na tabela classificativa.

O numero de desempregados continuou a subir, as soluções até o momento apresentadas para tentar sair da crise não surtiram efeitos, terá que vir de fora a solução dos nossos problemas, quando os outros melhorarem nós também vamos melhorar, devagar mas vamos, senão qualquer dia já não há Portugal.

Como se ainda não chegasse agora tenho de começar a juntar "Pontos", agora passarei a ser classificado pelo numero de "Pontos" acumulados, era só o que me faltava. O tipo que se lembrou disto deve ser um "crânio", um "génio" da Gestão e Organização dos Recursos Humanos. Bom mas isso fica mais para frente, numa outra altura vamos falar melhor.

Até lá fiquem bem.

Isto é mesmo uma casadegentedoida.


sinto-me:

publicado por casadegentedoida às 12:50
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Quarta-feira, 7 de Janeiro de 2009
A Crise - Grande Entrevista

Acompanhando um tema actual: "A Crise" (em todas as suas vertentes e variações) e sabendo que não tenho pais ricos, não ganhei no euromilhões e não penso em ir ao Bes, não estou na politica, não sou presidente de nenhum Banco, não me dedico ao trafico de drogas ou carne branca, não tenho uma casa de alterne e seus derivados mas tendo o desejo de melhorar o "meu" Blog resolvi arranjar alguns colaboradores. Sim, colaboradores, não são empregados, nem tarefeiros, são apenas pura e simplesmente "Colaboradores". Pessoas simples, do Povo, que quando solicitados deixarão aqui as suas opiniões sobre os vários assuntos. A seu tempo irão conhece-los.

Um dos primeiros colaboradores é Economista, Drª R.R.. Numa primeira conversa que tivemos transcrevo aqui o principal:

 

C. - O que acha da crise actual?

Drª R.R.: A Crise actual já era de se prever, aliás já todos andavam a falar dela, ela esteve sempre a nossa porta, os políticos (entenda-se o Governo) é que não queriam que soubéssemos que ela já ai estava. Tivemos todos os tipos de sinais claros do que vamos enfrentar, não acontece só aos outros. Veja-se o caso do BPP, não é só no estrangeiro que se fazem as falcatruas, desvios de dinheiro para contas privadas e etc. etc. O BPN também é outro.

C.- Quais são as suas previsões para 2009?

Drª R.R.:  Eu não faço previsões, o que vejo é que 2009 vai ser um ano difícil para todos, muita gente vai ter apertar o cinto, vai ser um ano de contenção. As taxas de juro serão baixas beneficiando os empréstimos a habitação, em contrapartida será mal para os aforradores, aumentos salariais (se houver, pois existem empresas que não dão aumento nenhum aos seus empregados) serão baixos e abaixo da inflação, não vai haver recuperação do poder de compra, vamos ter outra vez o PS no governo pois os partidos da oposição não tem argumentos  que os possam tirar do poder.

C.- E a Drª Manuela Ferreira Leite? não é alternativa?

Drª R.R.: Antes prefiro continuar com o Sócrates, dos males é o menor. Ela já foi ministra das Finanças e foi o que todos viram (ou não viram), como não foi capaz de arranjar alternativas para melhorar as finanças do País toca a vender os imóveis do Estado para equilibrar as contas. Até ai não foi mal pensado, o pior foram os preços a que os imóveis foram vendidos, foi um descalabro, acho eu.

C.- E o Dr. Santana Lopes? Dr. Paulo Portas? Dr. Rui Rio?

Drª R.R.: Eu de politica não sou especialista mas considero que destes nenhum tem condições para poder incentivar a Economia do País a avançar. Talvez o Dr. Rui Rio possa ser uma alternativa, depende das pessoas que ele escolher para ter a sua volta e o apoiarem.

C.- E no Partido Comunista existe alguém que pudesse estar a altura?

Drª R.R.: No Partido Comunista existem pessoas inteligentes e até capazes. Penso que num cenário, hipotético, de governo desde que não seguissem a risca as normas do Partido e pusessem a nacionalizar tudo fariam um bom trabalho e iríamos notar ao fim do primeiro ano melhoras significativas em alguns sectores.

C.- Quando acha que poderemos sair desta crise?

Drª R.R.: Talvez lá para o final de 2010, princípios de 2011 começaremos a sentir algumas melhoras, serão feitos alguns avanços mas nada que nos tire da crise. Penso que 2011 será o ano do principio da recuperação, isso vai depender de muitos factores externos, factores esses que influenciam a nossa economia interna. Estamos muito dependentes do exterior, de outras economias mais fortes e quando os Estados Unidos começarem a dar sinais de retoma os outros irão seguir o mesmo caminho.

C.- Se hoje fosse convidada para Ministra da Finanças quais seriam as suas iniciativas para tentar resolver ou minorar a crise em Portugal?

Drª R.R.: Isso é um assunto muito complexo e penso que seria difícil de por em pratica até porque iria mexer com velhas e poderosas estruturas político-partidárias. Os professores de Economia de várias universidades já discutiram essa hipótese com os alunos e acabam sempre chegando à um caminho sem saída e com muitos obstáculos. O melhor por enquanto é ficar por aqui, vamos aguardar a evolução da situação.

C.- Só para acabar, um conselho para os portugueses.

Drª R.R.: Poupem, procurem poupar, o ideal seria o trabalhador conseguir poupar 10% do seu salário todos os meses mas se não for possível que seja 5% ou até 1% mas poupem, isto ainda vai durar.

 

Bom Amigos aqui ficou apenas um excerto da entrevista/conversa efectuada com a Drª R.R. e ainda havia muito mais, mas fica para outras vezes. O casadegentedoida vai procurar, sempre que possível, deixar aqui a opinião dos seus colaboradores.

Um Abraço a Todos.


sinto-me:
tags: , , , , , ,

publicado por casadegentedoida às 00:16
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Domingo, 21 de Setembro de 2008
O Regresso das Férias

Pois é, as férias acabaram e o casadegentedoida também tem a sua reentre. Este período de ausência foi necessário para retemperar forças, acertar agulhas. Mas não se acabaram todos, ainda faltam uns dias (15) mais lá prá frente .

Neste período muitas foram as noticias mas poucas as novidades: o petróleo subiu mais do que desceu,  o PS continua a frente do Governo, o PSD continua sem ser opção politica, o PCP continua igual a si proprio- na mesma, o CDS continua a ser a força esquecida, o BE foi de férias.

Mas o que tem sido sempre noticia são os assaltos, o aumento da criminalidade e a incapacidade de por um travão nisto. Assaltos as bombas de gasolina, aos bancos, as ourivesarias, aos cafés. Isto já deixou de ser uma necessidade e passou a ser uma competição entre os gangs para ver quem rouba mais, e cada vez que os telejornais abrem a falar dos assaltos podem contar que nos dias seguintes vão haver mais. Relembro uma conversa de café em que um Sr. dizia assim: "antigamente também haviam assaltos e roubos e mortes, havia tudo o que há hoje só não havia era tanta publicidade na televisão e nos jornais e na rádio, hoje fazem o assalto de manha e a noite esperam para ver no Telejornal e se não aparecem na próxima fazem pior, é uma competição para ver quem rouba mais". E a Policia não tem meios para fazer grande coisa, os Telejornais não deveriam dar tanto ênfase ao assalto mas sim a captura dos assaltantes, também ajudava se fizessem isso.

Agora também são as falências, primeiro as famílias, depois as pequenas e medias empresas, agora as grandes companhias de seguros e bancos, Já era de esperar depois dos astronómicos lucros que tiveram nos últimos anos com a crise, é só ver os bónus recebidos pelos CEO's das respectivas empresas. As guerras ficaram para segundo plano.

Hoje é a economia que é noticia (assim ninguém fala do Iraque, Afeganistão, Georgia, etc) vão distraindo as pessoas com a crise. Enfim vamos sendo levados.

Mas nós cá estamos, atentos a tudo o que se passa a nossa volta e não vamos deixar que as coisas passem ao lado para nos fazerem esquecer. Vamos lutar. Não se esqueçam: abastecer o automóvel nas bombas de marca branca (é mais barato), procurem levar almoço de casa (nunca se sabe como são confeccionadas as refeições nos restaurantes),

nos hipers veja bem a relação qualidade/preço (não se deixe enganar pelas promoções), se você estiver a nadar em dinheiro tudo bem, não ligue ao que eu disse e goze a vida.

Assim fiquem bem a Até Já.

Um Abraço do casadegentedoida.


sinto-me:

publicado por casadegentedoida às 21:52
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Sábado, 31 de Maio de 2008
Reacções

 

·         O pior que podia acontecer
O que mais de grave irá acontecer, para além do miserável governo q temos voltamos ao passado tb mais miseravel.
Esta senhora será com a idade q tem ainda gosta de brincar ás politicas, será mesmo que não se enxerga, depois de tudo de mal que fez em Portugal como politica, nem isso lhe toca a consciência.
Será mesmo que nasceu para brincar com os outros, ou ate mesmo gozar com a pobre paciência dos portugueses.
A constituição é bem clara que Portugal é dos portugueses e não de alguns burgueses.
Portugal é dos portugueses sejam eles brancos, pretos ou amarelos, não é da vontade de meia duzia de doutores q se acham mais do q os outros.
Depois não se admirem dos países ditos democráticos se parecerem, com as Áfricas do Sul, as Jugoslávia e os Zaire etc.
A senhora que acaba de ganhar a liderança do PSD, foi o melhor que podia ter acontecido a este governo, pois em matéria de inteligência e de moral, venha o diabo e escolha.
Agora é que se vai ver quem tem moral na politica de sarjeta
 
Esta Senhora não está reformada????
Vá pára casa e deixe a política para os que ao menos ainda não estão a chular o estado. Tanto se criticam os políticos com reformas chorudas e afinal estão a criar outro? Acham que esta senhora faz melhor do que o Pinóquio que lá está??? Isto é tudo farinha do mesmo saco, se um diz mata o outro diz esfola.
Tenham juízo e muita calma nessa hora
 
·         Ora bem. Sou militante do PSD desde 1975, andei até naquela guerra contra o ataque dos sociais fascistas do Cunhal que queriam a sua ditadurazinha democrática, fui perseguido, agora acabou. Nem tanto pela Manuela- finanças-duras, mas pelo bando de oportunistas que a rodeiam. Foi o triunfo da traição contra Menezes (de que nem fui apoiante), o triunfo do aparelho, dos barões, dos interesses instalados, dos que pensam que as bases só são boas quando lhes dobram a cerviz e tiram o chapéu. O triunfo dos ratos. Se ganhasse Passos Coelho ou Santana, voltariam a trair. Não alinho mais neste partido de adoração de vacas sagradas, de gente que tanto está no PSD como no PS, desde que lhes garantam os lugares, o vencimento e as mordomias. Gosto de quem vai à luta, quem dá a cara, dos que molham o cu no rio quando querem peixe. Com estes senhores, Capuchos, Pachecos, Aguiares Brancos e Pardos, e outros salvadores (pensei que iam ter 80 ou 90 por cento de votos, carago) muito obrigado. Passem bem
(Fernando Pais)
 
 
·         Fiquei muito contente por tenho ganho.
Gostei muito de a ouvir em Aveiro no Congresso, parece uma mulher q pode dar um futuro melhor ao país.. Há que esperar até às próximas eleições...
Viva o PSD...
Ass: Militante da JSD
(Morenita)
·          
·         Cretinos. A solução de oposição a um PS de extrema direita como o de Sócrates era de um PSD mais moderado, mais -Social-Democrata. Mas lá tinham que vir os barões a ver se conseguem aprovar mais umas quantas medidas neo-capitalistas da treta e encher os bolsos com o fruto de 900 anos de trabalho português. Esta bruxa é aquela que dizia há dias que vai acabar com SNS para a classe média, e ganhou!
O que é pena é que não só sai o PSD da corrida, como também o PP. Ia votar no Santana, assim vou ser obrigado a votar ainda mais à esquerda que o PS (BE, acho).
 
·         Portugal necessita urgentemente de mulheres para por tudo de pé, mas valha-me Deus, uma VELHA???Ponham lá a Soraia Chaves ou a Nereida...
(ZéParolo)

Depois de conhecer os resultados da eleição do presidente do PSD resolvi dar uma vista de olhos pelos comentários efectuados (chamadas reacções de sangue quente) para saber o que o povo dizia e assim juntei uns que mais me chamaram a atenção, entre tantos e bons, é pena não poder transcreve-los todos. Afinal até apoiantes do psd não gostaram da eleição da velha senhora. Qual será o nosso futuro? Será ela a nova 1ª ministra de Portugal? Será que desta vez seremos todos definitivamente vendidos as estrangeiros? Se sim, eu prefiro que seja Espanha (afinal eles já estão cá instalados).

Vamos esperar novos desenvolvimentos e ver se o PS muda de estratégia politica e isto melhora, mais cedo do que perto das eleições. Sim, pois estes acontecimentos todos vão ser alterados, a gasolina vai descer, a inflação vai descer, o desemprego tambem vai descer, as taxas de juro tambem vão descer até antes das eleições (e depois voltam a subri, estão a espera de que? milagres?).

É uma verdade indesmentivel: "Tudo Que Sobe, Sempre Desce."

 

Isto é mesmo uma casadegentedoida.


sinto-me: contente

publicado por casadegentedoida às 22:59
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Contador
conter12
posts recentes

Fim das Mini-Férias

A Crise - Grande Entrevis...

O Regresso das Férias

Reacções

links
arquivos

Dezembro 2016

Novembro 2016

Agosto 2016

Maio 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Julho 2015

Maio 2015

Março 2015

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Julho 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds