Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Casa de Gente Doida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

Casa de Gente Doida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

4 comentários

  • Imagem de perfil

    casadegentedoida 05.07.2009

    Olá RCR , que bom que voltaste. É natural que penses assim, afinal pertences a uma geração para quem ele não diz nada. Cada qual tem as suas preferências e naturalmente temos tendência a seguir as musicas e artistas do nosso tempo. Será que ele era racista porque queria mudar a cor da pele? Todos nós somos racistas, duma maneira ou de outra, fazemos distinção entre as pessoas. Se são altos ou baixos, gordos ou magros, bem vestidos ou mal vestidos, sem tem dinheiro ou não. Quantas vezes não somos racistas durante o dia quando accionamos o .77 e depois o.22 ? Quantas vezes não aturamos aquele bafo a vinho barato, ou aquele cheiro a ovos podres? Mas quando vês o .77 tudo passa ao lado. Existem muitas formas, há que compreende-las, aceita-las já é outra coisa, né?
    Fica bem.
  • Sem imagem de perfil

    RCR 05.07.2009

    Racistas não somos todos. Ser racista é não gostar de determinada raça, entre as quais se incluem a raça negra, ou judeus. O que somos temos é preconceitos, nos quais se incluem o que referiu, os altos, magros ou gordos.
    Do que diz respeito ao facto da musica não ser da minha geração isso não é um motivo válido, pessoalmente os meus grupos preferidos são dos anos 60 a 80. Mas uma coisa é gostar das musicas outras admirar os cantores. O meu grupo preferidos são dos The Doors, adoro as suas musicas mas o seu cantor não, ele já morreu é nunca será uma pessoa que irei admirar (apesar de ser admirados por muitos), pois não gosto de drogados e alcoólicos ( este sim é uma preconceito).
    Não quero dizer que as musica do Michael fossem más, pois isso depende dos diversos gostos musicais, apenas referi que ele era um preto que queria ser branco e isso para mim é racismo, ele negou a cor da sua pele. Outro facto foi os diversos casos de pedofilia no qual esteve envolvido. Grande musico sim, mas para mim rejeitar a cor da sua pele e ser pedófilo não o faz ser grande pessoa.

  • Imagem de perfil

    casadegentedoida 05.07.2009

    Evidentemente que não és racista, nem ninguém quer ser racista, mas aqui admiramos o cantor, o dançarino, o autor, o artista dentro do espectáculo ; e não o artista fora do espectáculo . Aquilo que ele fez, se realmente o fez, é da sua própria responsabilidade , não é isto que esta aqui em causa, não estamos aqui para julgá-o. Todos os artistas tem defeitos como nós os temos, todos os profissionais tem defeitos, mas quando são bons naquilo que fazem devem ser reconhecidos por isso.
    Existem hoje muitos artistas que o são graças a publicidade enganadora, vozes falseadas através de equipamentos electrónicos , a maioria nem sabe cantar. Ele, como muitos que andam por ai sem protagonismo, logo cedo demonstrou um talento nato, talento esse que foi explorado ao máximo , indiscriminadamente. Quantos na nossa história hoje são altamente considerados, elogiados, venerados, mas ninguém conta as suas atrocidades, os seus vícios , os seus distúrbios Se calhar naquela altura não havia imprensa como há hoje. Mas tens razão em muitas coisas e respeito a tua opinião. Já agora sabes que há uma Teoria da Conspiração que diz que o Elvis não morreu? foi tudo arranjado para sair da ribalta em grande? Serão coincidências estas duas mortes? Talvez, que sabem. Vamos ficar a aguardar. Fica bem.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.