Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CasadeGenteDoida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

CasadeGenteDoida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

Afastamento do Juiz Ivo Rosa de Toda a Magistratura

casadegentedoida, 12.04.21

Afastamento do Exmo. Sr. Juiz Ivo Rosa de toda a Magistratura face à sua parcialidade e consecutivos erros judiciais lesivos ao Estado e à Nação Portuguesa.

Assim começa o texto da Petição lançada no site da Petição Pública.

Não é preciso ser-se advogado, licenciado, doutorado, solicitadores e o diabo à quatro para perceber que este processo "Operação Marquês" foi manipulado de forma a poder ilibar o cidadão José Sócrates da maioria dos crimes do qual era acusado. Não é preciso saber de leis e mais leis judiciais para saber que estamos perante uma grande falcatrua a nível judicial onde se justifica o injustificável, onde  tudo é feito à medida da pessoa em causa e não só pois existem mais envolvidos no processo que assim também ficam ilibados, isentos, livres de qualquer ônus judicial. Ricardo Salgado, Zeinal Bava, José Paulo Bernardo Pinto de Sousa, Carlos Santos Silva, Antonio Mexia, João Manso Neto e outros mais que fazem parte do "Processo Marquês". 

Estamos, como disse um amigo, "Entregues a Bicharada", onde a pouca vergonha anda à solta, onde a independência, onde a imparcialidade, onde a integridade já não são sinónimos de carater de um Juiz, duma pessoa de direito, que tem a obrigação de defender a nossa sociedade de crapulas, de pessoas de má indole, usurpadores.

 "De acordo com a Constituição, os juízes são titulares de um órgão de soberania - os Tribunais.

Administram a justiça em nome do povo e devem apenas obediência à lei"

“O primeiro requisito que se exige de um juiz é a sua imparcialidade ou neutralidade.”

Perante estas palavras torna-se para mim incompreensível as tomadas de decisão do Sr. Juiz Ivo Rosa no "Processo Operação Marquês". Acho que até para a maioria da população portuguesa e até estrangeira estas decisões serão incompreensíveis, difíceis de entender, difíceis de engolir. Como se consegue tomar determinadas decisões de consciência tranquila subvertendo o sistema judicial.

"Nunca tantos foram prejudicados por tão poucos"

Isto é mesmo uma CasaDeGenteDoida!

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.