Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Casa de Gente Doida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

Casa de Gente Doida

Onde Tudo é Nada... E o Nada é Tudo

Amigos e amigos.

casadegentedoida, 17.01.18

Olá à Todos! Um Feliz Ano de 2018!

Só agora? Então, antes Tarde do Nunca. Pois é, será desta? Vamos ver no que dá. Ok?

Outro dia, a "passear" pelo Facebook li um artigo de alguém que falava dos "seus amigos", amigos sobre os quais elogiou e outros nem estava aí. Engraçado o texto, pequeno, mas engraçado. Enaltecer os amigos, diferenciar os amigos, excluir amigos.

Claro que todos nós temos ou tivemos amigos, mas o que me chamou mais a atenção foi a maneira de valorizar a amizade, os amigos. Vou explicar de outra maneira.

Para mim há Amigos e amigos. Quando usamos o termo "Amigo" devemos nos referir aquelas pessoas que realmente significam algo para nós, signifcam ou tiveram um grande significado na nossa vida, na nossa existência. Quando usamos o termo "amigo" podemos estar a referir uma pessoa qualquer, do nosso trabalho, do nosso relacionamento social, qualquer pessoa do Facebook, enfim qualquer um.

Compreendo que algumas pessoas não se importam como se escreve, como se define, simplesmente é um termo, uma palavra escrita, a verdadeira amizade vem do crescimento junto, da convivência, do companheirismo, de toda uma vida passada. 

"Amigo é o nome que se dá a um indivíduo que mantém um relacionamento de afeto, consideração e respeito por outra pessoa. O Amigo é aquele que possui uma grande afeição por uma ou mais pessoas, que é leal, que protege e faz o possível para ajudar sempre." (https://www.significados.com.br/amigo/).

Para mim funciona assim, dessa maneira. Amigos tenho poucos mas amigos tenho muitos, talvez até demais. Mas cada um é como é, cada define-se como quer e sabe, quem sou eu para julgar seja quem for. 

Hoje, nos tempos que correm, é importante sabermos quem são os nosso Amigos.